A Índia e as usinas nucleares com tório

Até 2020 a Índia será  o único país do mundo a produzir energia nuclear em larga escala com o uso do tório como combustível, garantem os cientistas indianos. O país já construiu na central nuclear de Mumbai um reactor de teste miniaturizado com potência de 30 megawatts e capaz de converter tório em urânio 233, um material físsil que não existe na natureza. A Índia possui 25% das reservas mundiais de tório. Essa tecnologia permitirá que a Índia, no futuro, planeie a construção de reactores que utilizem como combustível o urânio 233 e uma quantidade pequena de plutónio.

A convicção demonstrada pelos indianos quanto ao potencial futuro do tório existe, igualmente, no grupo norte-americano Novastar Resources, que deseja estabelecer posição como líder no futuro mercado desse elemento radioactivo, e para isso adquiriu uma mina de tório nos Estados Unidos.

Para mais informação clique aqui.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s