Evolução e o homem

 

O Homem evoluiu numa complexa sucessão de factos ocorridos ao longo de milhões de anos. Tal como os outros animais, reproduziu-se e cresceu sob as regras do meio, associando-as à sua intuição. Aos poucos, apercebeu-se de que o espaço circundante era ilimitado e produtivo, podendo, ele mesmo, ser o impulsionador da força física e mental de que era detentor. Assim, o primata concebeu a ideia de transformação até atingir a posição erecta, facto que o distinguiu de outros da sua espécie. Esta e outras atitudes levaram o Homem ao centro da Terra. Confrontado com os mistérios da vida e já de mãos livres, pega no fogo e parte em direcção ao futuro, cozinhando os seus alimentos e defendendo-se dos animais ferozes. A sua pertinente curiosidade e necessidade de contacto, fá-lo procurar outros meios de comunicação. De início, manifesta as suas intenções através de francas exibições e pequenos gestos manuais. Depois, a linguagem adquire fluência e o homem toma consciência, sentindo necessidade de dizer que existe, ama e sente. Transpondo barreiras, utiliza todos os meios disponíveis para atingir os seus objectivos. Pela sobrevivência, alimenta e protege a sua prole, sofrendo os efeitos do meio ambiente natural, tais como a mortalidade e as alterações climáticas. Sempre em movimento, vai deixando nos locais de permanência alguns artefactos que, a seu tempo, permitirão aos arqueólogos e cientistas analisar a sua evolução. Muitas pinturas rupestres, compostas por expressões variadas, foram encontradas nas cavernas e em locais adequados. Também várias formas de escrita, ainda precária, são o exemplo das suas potenciais capacidades.

 

Homo Sapiens Sapiens

O Homem emerge e encanta!…

A sua habilidade é tanta que a todos espanta.

Cultural e socialmente desenvolve-se no seu meio.

Sem armas nem garras, liberta as amarras e avança sem receio.

Na savana ficam os outros animais.

Homo Sapiens Sapiens é pensante e diferente dos demais.

Pelo caminho, enquanto primata, deixou fragmentos e pistas;

Facto que, não sendo matéria exacta, interessa aos cientistas.

Distinto na postura e no saber, sofreu várias transformações:

É pertinente o seu querer na busca de soluções.

E, já de cabeça erguida, a mente reflecte sobre o progresso:

Defendendo-se, procura novas formas de vida com sucesso.

Em África, a Arqueologia descobre pistas decisivas:

Lucy, em Afar, foi um achado com evidências progressivas.

Para os especialistas, a origem do Homem é muito controversa;

Contrastam tempos e opiniões, em pedaços de história dispersa.

Neste contexto, o cientista debate-se por uma história exacta,

enquanto o Homem Moderno respeita o seu antecedente primata.

 

Nazaré Cunha (2008-10-25)

 

 

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s