A Igreja acusada de interferência nas eleições da Índia

Acabou ontem a última fase das eleições gerais que duraram um mês, e os resultados saem no Sábado. O Cardial  Varkey Vithayathil de Kerala lançou há dias a sua autobiografia e aproveitou a oportunidade para fazer uma critica ao partido comunista que governa o Estado e que tem sugerido algumas reformas legislativas que não são do agrado da Igreja, incluindo aprovação da eutanásia e controle das contas e bens temporais da Igreja! A reforma que se pretende introduzir na Índia para exigir maior transparência e responsabilização democrática na administração dos bens da igreja poderia servir também de modelo para a regulamentação que se requer após a aprovação da nova concordata de 2004 entre Portugal e o Vaticano. Em tempos de poucas vocações para o sacerdócio, os poucos padres teriam mais tempo disponível para as actividades pastorais, deixando as responsabilidades temporais inteiramente à supervisão e administração pelos  leigos competentes.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s